Unicef premia municípios da PB por melhorias na qualidade de vida das crianças

selo unicef 3O Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) vai estar em João Pessoa, nesta quinta-feira (1º), para a solenidade de encerramento do Selo Unicef Município Aprovado Edição 2013-2016. O evento, que ocorre das 9h às 13h, no Espaço Cultural José Lins do Rêgo, vai premiar 32 municípios paraibanos que atingiram as metas propostas na melhoria da qualidade de vida de suas crianças e adolescentes.

No Curimataú paraibano, as cidades de Damião e Cuité conquistaram o prêmio. Já no Seridó, as cidades de Nova Palmeira, Cubati, Picuí e Frei Martinho foram as contempladas.

Prefeito Aido Dantas de Frei Martinho, município reconhecido (2013/2016).

frei martinho unicef jpe

O selo é uma iniciativa para melhorar as condições de vida das crianças e dos adolescentes no Semiárido e na Amazônia Legal Brasileira, áreas que concentram o maior número de meninos e meninas em situação de vulnerabilidade. Além desses, o Unicef irá contemplar com uma menção honrosa os 33 municípios que, apesar de não terem atingido as metas, conquistaram a melhoria em diversas áreas relacionadas às crianças e adolescentes.

Segundo o Unicef, o número de municípios paraibanos certificados vem aumentando com o passar das edições. Dos 132 inscritos nessa edição atual, 32 está levando o certificado, o que equivale a 23% do total. Na edição 2009/2012, dos 134 municípios, 13 foram certificados, o equivalente a 10%. Em 2006, foram apenas 9 municípios certificados, de um total de 157 inscritos.

acacio picui jpe

Prefeito Acacio Araújo do município de Picuí, tetra campeão.

A solenidade de encerramento do selo reunirá o coordenador da Plataforma do Semiárido Brasileiro do Unicef, Robert Gass, o governador da Paraíba, Ricardo Coutinho (PSB), secretários de Estado e o prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PSD), além de prefeitos de todos os municípios envolvidos nessa edição.

Também foram convidados para a reunião, secretários das gestões municipais, os articuladores do selo, representantes do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA), além dos jovens representantes do Núcleo de Cidadania dos Adolescentes (Nuca) de cada localidade.

Portal do Curimatau e Correio