Paraíba registra 245 mortes, 6.238 infectados, com 1.997 pessoas recuperadas por covid-19

A Secretaria de Saúde registrou nesta quinta-feira (21), um total de 245 mortes por covid-19 na Paraíba.

O boletim epidemiológico divulgado no fim da tarde também registrou 6.238 casos confirmados, 1.997 recuperados e 6.245 casos recuperados.

De acordo com o boletim divulgado pela SES, a Paraíba tem a ocupação das Unidades de Tratamento Intensivo (UTI) em 76%, e enfermarias em 54%.

Os casos confirmados estão em  161 municípios paraibanos:

Água Branca (1); Aguiar (1); Alagoa Grande (24); Alagoa Nova (7); Alagoinha (30); Alhandra (69); Amparo (10); Aparecida (1); Araçagi (29); Arara (6); Areia (30); Areial (4); Aroeiras (13); Baia da Traição (28); Bananeiras (14); Barra de Santa Rosa (1); Barra de Santana (9); Barra de São Miguel (1); Bayeux (191); Belém (13); Belém do Brejo do Cruz (1); Boa Vista (1); Bom Jesus (1); Boqueirão (5); Borborema (1);  Brejo do Cruz (4); Caaporã (172); Cabedelo (288); Cachoeira dos Índios (2); Cacimba de Dentro (4); Caiçara (12); Cajazeiras (42); Cajazeirinhas (1); Caldas Brandão (4); Campina Grande (421); Capim (19);  Casserengue (1); Catingueira (2), Catolé do Rocha (12); Caturité (1); Conceição (2);  Condado (27);  Conde (62); Congo (11); Coremas (11); Coxixola (3); Cruz do Espírito Santo (86); Cuité (1);  Cuité de Mamanguape (2); Cuitegí (16); Curral de Cima (2);  Duas Estradas (7); Esperança (18); Fagundes (2); Gado Bravo (12);  Guarabira (238); Gurinhém (16); Gurjão (3); Ibiara (2); Igaracy (2); Imaculada (4); Ingá (10); Itabaiana (45); Itaporanga (4); Itapororoca (18); Itatuba (14); Jacaraú (7); Jericó (1);  João Pessoa (2226); Joca Claudino (1); Juarez Távora (8); Juazeirinho (38);  Junco do Seridó (4); Juripiranga (25); Juru (1); Lagoa (3); Lagoa de Dentro (4); Lagoa Seca (22); Lastro (1); Logradouro (7); Lucena (40); Malta (6); MaManguape (28); Manaíra (1); Mari (60); Marizópolis (4); Massaranduba (10); Mataraca (10); Matinhas (3); Mato Grosso (3); Matureia (7); Mogeiro (1);  Montandas (1); Monteiro (13); Mulungu (6); Natuba (1); Nova Floresta (1), Nova Olinda (1); Olho D´Água (1); Passagem (1); Patos (374); Paulista (3); Pedras de Fogo (98); Piancó (9); Picuí (2); Pilar (23); Pilões (5); Pilõezinhos (15); Pirpirituba (7); Pitimbu (57); Pocinhos (1);  Pombal (13); Princesa Isabel (5); Puxinanã (2);  Queimadas (25); Quixabá (5); Remígio (24); Riachão do Bacamarte (31);  Riachão do Poço (1); Riacho dos Cavalos (2); Rio Tinto (19); Salgado de São Felix (12); Santa Helena (1); Santa Luzia (17); Santa Rita (375); Santa Terezinha (3); São Bento (31); São João do Rio do Peixe (6); São João do Tigre (1); São José da Lagoa Tapada (12); São José de Caiana (5); São José de Espinharas (2); São José de Piranhas (4); São José do Bonfim (5); São José do Sabugi (39); São José dos Cordeiros (2); São José dos Ramos (4); São Mamede (6); São Miguel de Taipu (11);  São Sebastião de Lagoa de Roça (9); São Vicente do Seridó (7); Sapé (126); Serra Branca (2); Serra da Raíz (5); Serra Redonda (2); Serraria (2); Sertãozinho (6); Sobrado (4); Solânea (12);  Soledade (2); Sousa (100); Sumé (1); Tacima (3); Taperoá (26); Tavarez (1); Teixeira (9);  Uiraúna (4); Umbuzeiro (17); Várzea (1); Vieirópolis (2); Vista Serrana (1).

Brasil

O Brasil bateu recorde e registrou 1.188 novas mortes por coronavírus nas últimas 24 horas, segundo dados do Ministério da Saúde.

O recorde anterior era de 1.179, na terça-feira. No dia seguinte, foram 888 óbitos.

Com 20.047 mortes no total e 310.087 casos confirmados, o Brasil continua sendo o terceiro com mais casos no mundo. Na segunda (18), o país ultrapassou o Reino Unido, que tinha 244.995 casos naquela data e hoje tem 252.234 casos – um incremento de 7.239. Já o Brasil teve um aumento de mais de 37 mil casos no mesmo período.

Os dois países à frente do Brasil em número de casos são EUA (cerca de 1,5 milhão) e Rússia (317 mil), segundo a Universidade Johns Hopkins (EUA), que monitora dados da pandemia de Covid-19. No fim de semana, o Brasil ultrapassou Espanha (233 mil casos) e Itália (228 mil).

Os cinco estados mais afetados pelo novo coronavírus (São Paulo, Rio de Janeiro, Ceará, Pernambuco e Pará) concentram mais de metade do total de mortos.

Redação