João Azevêdo será presidente do Podemos na PB se aceitar convite, diz direção nacional

A deputada federal e presidente nacional do Podemos, Renata Abreu, reforçou que aguarda uma definição do governador João Azevêdo (PSB) sobre o convite ao socialista para que ele integre os quadros da legenda. Em entrevista exclusiva ao Polêmica Paraíba, nesta quinta-feira (28), ela acrescentou que, caso aceite o convite, em acordo com a atual direção estadual, João vai comandar os destinos da sigla na Paraíba.

Renata Abreu destacou que o partido ‘gostaria muito’ de ter a filiação de Azevêdo e exaltou as qualidades do governador. “O João é uma pessoa que tem uma experiência administrativa, que tem uma experiência política, e tem um discurso muito alinhado com o Podemos, principalmente nessa questão de não ser extrema direita e extrema esquerda, querer unir as pessoas, unir o país, e ele tem esse discurso pacificador que nos agrada muito”, disse.

Abreu informou que a ideia do convite é fazer com quê o governador, em comum acordo com as lideranças locais, assuma o controle do Podemos na Paraíba. “Pelo que eu conversei com nosso presidente estadual [Galego do Leite], eles fizeram o convite, acredito, convidando para assumir o partido, mas foi um convite que partiu do âmbito estadual. Acredito que o convite deles foi nesse sentido”, enfatizou.

Renata Abreu revelou ainda que pretende vir à Paraíba renovar, pessoalmente, o convite a João Azevêdo. “Ainda não falei com ele novamente. Fizemos o convite. Me coloquei à disposição para ir até a Paraíba falar com ele pessoalmente”, revelou. Nesta quarta-feira (27), em entrevista à imprensa, o governador deu as pistas de qual deve ser o perfil do novo partido ao qual ele deve se filiar. “Procurarei um partido que tenha uma linha não só programática, mas acima de tudo conceitual daquilo que eu acredito ser a melhor política. A política da justiça, da inclusão social, de fazer cada vez mais que o estado avance”, pontuou.

Redação