Jornais do Brasil nesta sexta feira 22 de março

22 de março de 2019

O Globo

Manchete : Temer é preso pela Lava-Jato 80 dias após deixar Presidência

Ex-presidente é acusado de desviar dinheiro de Angra 3
Defesa vê abuso de direito e pede habeas corpus ao TRF-2
Moreira Franco é 5º governador eleito do Rio a ir para a cadeia

Oitenta dias após deixar a Presidência da República, Michel Temer tornou-se o segundo ex-presidente desde a redemocratização a ser preso, acusado de liderar organização criminosa que desviava dinheiro de contratos de Angra 3. A prisão preventiva foi ordenada pelo juiz Marcelo Bretas, da Lava-Jato no Rio. Temer é alvo de mais nove inquéritos, remetidos pelo STF à primeira instância da Justiça Federal em São Paulo, Rio e Brasília, depois que ele perdeu o foro privilegiado. Também foram presos o ex-ministro Moreira Franco, 5º governador eleito do Rio a ir para a cadeia; João Baptista Lima, o coronel Lima, e sua mulher, Maria Rita Fratezi. Outros seis mandados foram expedidos. Para o MPF, a liberdade de Temer e dos demais ameaçava as investigações e permitia a continuidade de crimes, como a tentativa de Lima de depositar R$ 20 milhões em dinheiro na conta de sua empresa, a Argeplan. Temer disse que a prisão é “uma barbaridade”. Sua defesa alegou abuso de direito e pediu sua soltura ao TRF-2. Na Presidência, Temer foi denunciado três vezes pela PGR. (PÁGINAS 4 a 12)

MERVAL PEREIRA

Prisão é reação à decisão do STF sobre caixa 2 (PÁGINA 2)

BERNARDO MELLO FRANCO

A hora de Temer chegou rápido (PÁGINA 5)

MÍRIAM LEITÃO

Nenhum grupo pode ser dono da Lava-Jato (PÁGINA 22)

FLÁVIA OLIVEIRA

Angra 3 é um projeto custoso e malsucedido (PÁGINA 3)

EDITORIAL

PRISÃO DO EX-PRESIDENTE TEMER É DEMONSTRAÇÃO DE FORÇA DA LAVA-JATO (PÁGINA 2)

Regalias a militar atrasam reforma no Congresso

O deputado Felipe Francischini (PSL-PR), presidente da Comissão de Constituição e Justiça da Câmara, adiou a escolha do relator da reforma da Previdência. Ele só apontará um nome após a equipe econômica explicar por que os militares tiveram privilégios na proposta de mudanças na aposentadoria. (PÁGINA 21)

STF inicia cerco contra internautas que o atacam

O ministro Alexandre de Moraes, do STF, ordenou buscas em endereços de São Paulo e Alagoas, numa tentativa de identificar autores de ataques que têm sido feitos à Corte. Em outra decisão, foram decretadas medidas para bloquear contas na internet que incitam o ódio contra o Supremo. (PÁGINA 13)

Alerj dá posse a deputados em Bangu 8

A Assembleia do Rio empossou cinco deputados presos preventivamente desde novembro. André Corrêa( DEM),Luiz Martins(PDT), Marcos Abrahão (Avante) e Marcus Vinícius Neskau (PTB) assinaram o termo de posse em Bangu 8. Chiquinho da Mangueira (PSC), em prisão domiciliar, cumpriu ritual em casa. (PÁGINA 15).

Redação