Governador rejeita acordo com o governo federal e nega licença do cargo; vídeo

ricardo jpe 2O governador Ricardo Coutinho afirmou, em entrevista coletiva no Palácio da Redenção, na manhã desta terça-feira (29), que os governadores do Nordeste não aceitam o acordo com o governo federal que impõe corte de gastos aos estados como condição para permitir a divisão de mai recursos do dinheiro repatriado.

O governador adiantou que deve esperar a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF), que já concedeu liminar em favor dos estados para que eles também tenham direito a uma parcela das multas sobre o dinheiro repatriado.

Ricardo disse que no casa da Paraíba não há mais onde cortar. Ele voltou a ressaltar o crescimento da dívida com a previdência, que já ultrapassa R$ 1 bilhão e disse que o aumento da alíquota que os servidores descontam não resolverá o déficit.

Na coletiva, o governador prévio que em 2017 a crise econômica será pior do que a deste ano. Ricardo negou que esteja analisando uma licença do governo, em janeiro de 2017.

Assista abaixo a entrevista do governador:

Redação com Correio