Corinthians bate Oeste e avança para as quartas de finais do Paulistão

O Corinthians venceu o Oeste por 2 a 0 neste domingo (26), na Arena Barueri, pela última rodada da fase de grupos do Campeonato Paulista, e se classificou para as quartas de final da competição. O time alvinegro escapou de depender do arquirrival São Paulo somente aos 45 minutos do segundo tempo, quando o volante Éderson fechou o placar com um belo gol de fora da área. O Alvinegro havia aberto o placar com Danilo Avelar no fim do primeiro tempo.

O Corinthians contava com a ajuda do São Paulo para se manter vivo no Estadual até os minutos finais da partida. Isso porque o Tricolor venceu o Guarani por 3 a 1, na Vila Belmiro, enquanto o Corinthians só vencia por 1 a 0. Caso os são-paulinos empatassem com o time de Campinas, o Alvinegro não se classificaria com vitória simples.

O Corinthians terminou a primeira fase na segunda colocação do Grupo D, com 17 pontos ganhou. O Guarani ficou com 16 pontos na terceira posição. A liderança ficou com o RB Bragantino, com 23.

Como o gol de Éderson saiu no finalzinho, o Corinthians se classificou no sufoco pois quase não criou jogadas de ataque e ainda sofreu pressão do Oeste, tanto no primeiro tempo, como na segunda etapa. Cássio salvou, principalmente, nos primeiros 45 minutos iniciais. No segundo tempo, o time ainda levou um susto com gol de Marlon, mas o árbitro marcou impedimento. Além disso, o sufoco foi grande por conta do placar parcial na Vila Belmiro, onde jogavam Guarani e São Paulo.

Agora o Corinthians volta a campo no meio da próxima semana (quarta ou quinta-feira) para disputar as quartas de final do Estadual, diante do Red Bull Bragantino. Caso fosse eliminado o Corinthians duas semanas sem atuar, já que só voltaria a campo no próximo dia 9, diante do Atlético-GO, em Itaquera, em duelo válido pela primeira rodada do Campeonato Brasileiro.

O destaque corintiano na partida foi o zagueiro Danilo Avelar, autor de um dos gols nas finais do título paulista no ano passado. Ele foi decisivo novamente com a camisa alvinegra. O defensor subiu mais alto do que a zaga do Oeste após cruzamento de Luan para fazer o gol do de cabeça no fim do primeiro tempo.

Em um primeiro tempo ruim do Corinthians, Cássio, novamente, foi o solitário destaque da equipe. O goleiro fez, pelo menos, duas defesas consideradas difíceis. A primeira delas, aos seis minutos, em uma tentativa de cruzamento do meia Mazinho, desviada por Danilo Avelar. O camisa 12 teve reflexo para espalmar escanteio e evitar o gol. A segunda intervenção foi em chute cruzado do lateral Éder Sciola. Cássio já havia brilhado no clássico contra o Palmeiras.

O Corinthians quase encerrou o primeiro tempo sem nenhuma finalização. Durante toda a primeira parte da partida, o time sofreu para sair jogando, construir jogadas no meio de campo e fazer a bola chegar até Boselli. O técnico Tiago Nunes tentou adiantar a movimentação dos laterais Fagner e Carlos, mas a mudança surtiu pouco efeito. Assim como no clássico, a jogada aérea eficiente salvou. Desta vez, gol marcado pelo zagueiro Danilo Avelar.

O Corinthians levou um susto no segundo tempo quando Marlon aproveitou cruzamento e fez o gol na entrada da pequena área de Cássio.

No entanto, o atacante está em posição de impedimento para alivio dos corintianos.

No fim da partida, o Corinthians chegou ao segundo gol em um chute de Éderson da intermediária.

A derrota mandou o Oeste para a Série A-2 do Paulista. A equipe rubro-negra terminou o torneio com a pior campanha e terá a companhia do Água Santa no descenso.

UOL/FOLHAPRESS