Ídolo em Portugal, Carlos Carvalhal pode fazer história como técnico do Flamengo

A fumaça preta ainda paira os arredores da Gávea. A brincadeira feita pelo vice-presidente de futebol, Marcos Braz, nas redes sociais indica que segue a busca por um novo treinador para o Flamengo. Dois nomes estão em alta: o de Domènec Torrent, ex-auxiliar de Pep Guardiola, e o de Carlos Carvalhal, do Rio Ave, que está a um passo de fazer história em Portugal antes de negociar com os dirigentes rubro-negros.

Antes, é preciso explicar. Carvalhal já conversou com Marcos Braz e Bruno Spindel, diretor de futebol do Flamengo, por meio de uma vídeoconferência e, se tudo der certo, uma reunião de forma pessoal acontecerá neste domingo — mas podendo ser adiada para a próxima semana caso o cronograma mude. Uma das possibilidades da mudança de roteiro é a chance de o Rio Ave fazer história.

Neste sábado, Carvalhal tem a chance de levar o clube pela primeira fase à disputa de um torneio continental. O Rio Ave está na sexta colocação do Campeonato Português e, para conseguir a vaga, precisa vencer o Boavista, fora de casa, e torcer para o Famalicão não vencer o Marítimo, também fora de seus domínios. Ambos os jogos acontecem às 15h.

Caso conquiste a vaga, existe a expectativa de que um festejo ocorra em Vila do Conde, cidade onde está localizado o clube, apesar da pandemia da Covid-19. Cabe lembrar que Carvalhal já conquistou outro recordes com esta equipe, como a maior invencibilidade da história do clube no Campeonato Português (nove jogos) e a maior quantidade de pontos conquistados como visitante.

Recentemente, o treinador também lembrou que a atual temporada é a de maior número de pontos conquistados pelo Rio Ave na primeira divisão portuguesa.

— Trabalhámos para atingir patamares elevados. Quebrámos barreiras do recorde do Félix Mourinho, virámos com 25, o melhor do Rio Ave eram 28, fizemos hoje 47, o melhor do Rio Ave são 51 e estamos nessa toada. Estamos a jogar de jogo para jogo, a tentar concentrar e vamos ver até onde conseguimos chegar, percebendo que estamos a um pequeno passo de chegar a fazer história — declarou Carvalhal.

No Brasil, o Bragantino tentou a contratação do treinador, mas as conversas não avançaram e o clube paulista fechou com Felipe Conceição, ex-Botafogo.

Com G1