Na Paraíba servidores da justiça estadual param nesta segunda (12)

tjpbOs servidores da justiça estadual paralisarão suas atividades, em toda a Paraíba, nesta segunda-feira (12) e terça-feira (13), em protesto contra o não pagamento do reajuste salarial da categoria, pelo Tribunal de Justiça, referente à data-base de janeiro de 2018. A decisão de suspender as atividades foi tomada em assembleia geral realizada pelos servidores, no dia 27 do mês passado.

Com essa paralisação de advertência, ficam suspensos o cumprimento de mandados judiciais, as audiências e o atendimento aos advogados e ao público, em todo o estado. A partir das 14h, os servidores realizarão atos públicos nesta segunda-feira e amanhã, na Praça João Pessoa, na capital.

Nesta terça-feira, 13, haverá uma audiência entre os representantes das entidades que representam os servidores do Poder Judiciário, a exemplo da Associação dos Técnicos, Auxiliares e Analistas do Judiciário Estadual (Astaj) e a Associação dos Servidores do Tribunal de Justiça (ASSTJE), com a presidência do Tribunal de Justiça (TJ/PB).

Segundo o presidente da Astaj, José Ivonaldo, se não houver nenhum avanço nas negociações, os servidores poderão decidir por uma paralisação por tempo indeterminado.

José Ivonaldo disse ainda que a paralisação dos servidores também é contra o pagamento do auxílio moradia a juízes e desembargadores. “A reposição salarial dos servidores não aconteceu em consequência do auxílio-moradia dos juízes e desembargadores estaduais, na ordem de R$ 14 milhões por ano. O impacto é tão elevado que chega a comprometer os pleitos financeiros dos servidores, que ficaram prejudicados sem rereceber reajuste na data base”, disse Ivonaldo.

Redação