Criança de 11 anos que deu à luz se recupera bem, mas não há previsão de alta

meninaA criança de 11 anos que voltou a ser hospitalizada dias após dar à luz em João Pessoa se recupera bem, mas permanece internada em uma maternidade na capital paraibana. O nome da unidade de saúde não vai ser divulgado para preservar a identidade da menina, que foi vítima de estupro. Ela acusa o padrasto da violência. Ele está preso.

A menina voltou a ser internada no domingo (17), 13 dias após a cesariana, apresentando febre e se queixando de dores na ferida operatória. Uma ultrassonografia mostrou que a paciente possuía um hematoma na parede abdominal.

Na quarta-feira (20), ela foi submetida a um pequeno procedimento cirúrgico para drenagem do abscesso. Segundo o hospital, a criança se recupera bem. No entanto, ainda não há previsão para alta.

A criança deu à luz ao primeiro filho no dia 10 deste mês. Ela engravidou quando ainda tinha 10 anos e o padrasto é o principal suspeito do crime. Ele foi preso em Recife, na casa de um parente. O padrasto nega ter estuprado a menina e pede que um exame de DNA seja feito para comprovar a paternidade. 

Redação