Polícia Federal cumpre mandados de busca e apreensão em João Pessoa e Campina

Em ação conjunta realizada na manhã desta quinta-feira, 2, a Polícia Federal, a Controladoria Geral da União (CGU), o Ministério Público Federal em Campina Grande e o Grupo de Atuação Especial Contra o Crime Organizado (Gaeco), deflagraram a ‘Operação Cifrão’, com o objetivo de apurar crimes relacionados à aplicação e desvio de recursos de entidades que fazem parte do Sistema “S” da Indústria no Estado da Paraíba.

De acordo com informações da PF, as investigações mostram que em apenas três contratos auditados pela CGU foram comprovados o desvio de mais de R$ 2 milhões em benefícios para empresas, empresários e pessoas vinculadas ao sistema.

Ao todo, estão participando da ação 96 policiais federais e nove auditores da CGU. Estão sendo cumpridos 22 mandados de busca e apreensão em Campina Grande e João Pessoa.

A PF deve passar mais informações da ‘Cifrão’ ainda na manhã de hoje, em uma entrevista coletiva marcada para as 11h da manhã, no auditório da Delegacia de Polícia Federal em Campina Grande.

Com PBonline